Coordenador de Ciência e Tecnologia de Cabo Frio utiliza a Tribuna Livre da Câmara Municipal

Por Ascom/CMCF em 31/08/2017
O Coordenador de Ciência e Tecnologia da Prefeitura Municipal de Cabo Frio, Alessandro Teixeira, ocupou a Tribuna Livre da Câmara de Vereadores nesta quinta-feira, 31, para falar sobre as ações realizadas pela coordenadoria durante o primeiro semestre de 2017 e sobre os novos projetos em andamento.

O Coordenador de Ciência e Tecnologia da Prefeitura Municipal de Cabo Frio, Alessandro Teixeira, ocupou a Tribuna Livre da Câmara de Vereadores nesta quinta-feira, 31, para falar sobre as ações realizadas pela coordenadoria durante o primeiro semestre de 2017 e sobre os novos projetos em andamento.

Alessandro destacou o trabalho que vem sendo realizado junto às instituições de ensino superior, mediante convênios que possibilitam, entre outros benefícios, descontos para os servidores municipais e estágios.

O coordenador também abordou sobre a importância do empreendedorismo no desenvolvimento socioeconômico da cidade, destacando a realização do I Fórum de Empresas Juniores, realizado no último dia 24. Na ocasião, estudantes, empresários e autoridades apresentaram ideias e propostas para o fortalecimento intelectual e econômico de Cabo Frio.

O projeto “Energias Alternativas” foi outro ponto citado na fala do coordenador. O objetivo é transformar as energias solar e cinética em energia elétrica em atividades que envolvem bicicleta ergométrica e sistema portátil de captação de energia solar, além da conscientização dos alunos da rede pública sobre a importância da sustentabilidade.

Para finalizar, Alessandro Teixeira lembrou sobre a Semana Municipal de Ciência e Tecnologia, que será realizada de 16 a 19 de outubro de 2017, com o tema “Matemática está com tudo”.

“Estamos preparando uma programação diversificada, que inclui palestras, debates, workshops, exposições, a Feira de Ciência e Tecnologia e a inauguração da Tenda da Ciência, na Fazenda Campos Novos. Ainda em setembro iniciaremos a Caravana da Ciência nas escolas da rede municipal, em parceria com o IFF – Instituto Federal Fluminense - que visa estimular a produção científica para o evento, principalmente em relação ao tema da energia alternativa”, declarou Teixeira.