CÂMARA DE VEREADORES DISCUTE DESTINO DE GALPÃO DO ANTIGO PORTO DO SAL DE CABO FRIO

CÂMARA DE VEREADORES DISCUTE DESTINO DE GALPÃO DO ANTIGO PORTO DO SAL DE CABO FRIO

A Câmara de Vereadores realiza uma audiência pública nesta terça-feira (26), às 10h, para debater o destino dos galpões remanescentes do antigo Porto do Sal de Cabo Frio. A audiência foi aprovada através de requerimento de autoria do vereador Aquiles Barreto (SD), vice-presidente da Comissão Permanente de Politicas Públicas que conduzirá os trabalhos do encontro na Casa Legislativa.

A audiência segundo o edital de convocação tem como objetivo trazer esclarecimentos aos parlamentares e a sociedade sobre o destino do “galpão de sal” e dar oportunidade a entidades, órgãos públicos e população na participação desta discussão.

“Durante a audiência a população pode tirar as dúvidas e ouvir as explicações em defesa da demolição e do tombamento do galpão, que serão ouvidas também por nós vereadores para determinarmos nossas ações na Câmara, destacou o vereador Aquilles Barreto.

O “galpão de sal” faz parte de um antigo conjunto arquitetônico que englobava outros imóveis com as mesmas características. Com o tempo os demais imóveis foram vendidos e demolidos para dar espaço a empresas de pescado. Atualmente o galpão é o único de pé, e para alguns possui grande valor histórico por ter feito parte da época da economia de exportação de sal e cal na região.

Entre as autoridades e convidados para a audiência estão o Procurador da República Leandro Botelho, o Secretário Municipal de Desenvolvimento da Cidade, Felipe Araújo, a Secretária Municipal de Cultura, Meri Damaceno, o Coordenador Geral de Meio Ambiente Mario Flávio, o representante do proprietário do imóvel, o arquiteto e urbanista Manoel Vieira, o professor e historiador João Cristóvão e representantes do Conselho Municipal de Patrimônio Artístico e Cultural de Cabo Frio.

Acessibilidade